Grupo de Estudos Território e Dinâmicas Territoriais

Coordenação: Prof.a. Dr.a. Cirlene Jeane Santos e Santos.

Monitor: Herbeth Vieira dos Santos.

 

As atividades do grupo de estudos são desenvolvidas em blocos (veja abaixo a proposta).

 

Os cronogramas de atividades por bloco serão inseridos brevemente. Aguarde!

 

Bloco 1 (clique aqui com o botão esquerdo do mouse para ver o embasamento teórico e procedimentos metodológicos).

 

Bloco 2 (clique aqui com o botão esquerdo do mouse  para ver o embasamento teórico e procedimentos metodológicos).

Bloco 3 (clique aqui com o botão esquerdo do mouse para ver o embasamento te órico e procedimentos metodológicos).

 

 

 

 

Os conteúdos contidos nos arquivos para estudo são reproduções parciais de produções acadêmicas. Sendo assim, elas precisam ser socializadas e não serem trancafiadas em "torres" ou esquecidas pelos que pensam que o novo é realmente novo.

Diário de Bordo do Grupo de Estudos Território e Dinâmicas Territoriais

por Ricardo Santos de Almeida.

 

A intenção deste não é reproduzir em todos os aspectos os encontros do grupo de estudos, mas sim de transpor nossos caminhos de debates. Nada como participar no plano real as discussões e leituras.

 

Nos encontros anteriores...

Em 26/10/2011 conhecemos a proposta do Grupo de Estudos Território e Dinâmicas Territoriais, dentre as quais a viabilização de discussões pautadas na evolução do pensamento geográfico resgatando através da linha do tempo os elementos que direcionam o pensamento de Friedrich Ratzel sobre a categoria Terrritório, dentre os quais o tempo-espaço em que vivenciou, bem como relacionar a evolução das técnicas, o ser geógrafo, identificando também como outros estudiosos abordam a categoria em estudo, tais como Olivier Dollfus, Milton Almeida dos Santos, Claude Raffestin, Rogério Haesbaerth, dentre outros.

Em 03/11/2011 debatemos os capítulos 1 e 2 do livro “O Espaço Geográfico” de autoria de Olivier Dollfus, onde ele diferencia o espaço geográfico do espaço econômico a partir da compreensão das relações entre o “físico” e o “humano”. Foram ainda debatidos como o autor enfatiza o processo de análise geográfica, seja a partir da aparência (paisagem) ou a essência (o próprio Espaço Geográfico).

Em 09/11/2011 foi debatido o capítulo 3 do livro “O Espaço Geográfico” de autoria de Olivier Dollfus, onde foram destacadas a capacidade de adaptação e transformação do homem na natureza e como a relação homem e meio podem condicionar a uma análise geográfica mais minuciosa necessitando o geógrafo a identificar elementos, tal como a estrutura socialmente produzida, contidos em tempo-espaço a fim de ressignificar o espaço vivido, produzido e concebido.

Em 16/11/2011 assistimos ao filme francês “A guerra do fogo” de Gérard Brach e J. H. Rosny Sr. a fim de correlacionarmos os elementos (apropriação e transformação da natureza) contidos nos capítulos do livro “O Espaço Geográfico” de autoria de Olivier Dollfus no que se refere à “socialização” e apropriação de uma técnica (o ato de “produzir” fogo).

Em 23/11/2011 foram debatidos o capítulo 7 do livro "O Espaço Geográfico" de Olivier Dollfus e os capítulos 8 e 9 de "Por uma Geografia Nova" de Milton Santos.

Em 30/11/2011 foram debatidos os capítulos 10, 11 e 12 de "Por uma Geografia Nova" de Milton Santos.

Em 07/12/2011 foram debatidos o capítulo 13 de "Por uma Geografia Nova" bem como os capítulos 5 e 6 de "Metamorfoses do Espaço Habitado" de Milton Santos.

Em 14/12/2011 foram debatidos o capítulo 2 de "A Natureza do Espaço: Técnica e Tempo, Razão e Emoção", além do preâmbulo e o capítulo 1 de "Espaço e Método" de Milton Santos.

Em 15/12/2011 houve um coffee break, entrega de certificados e troca de experiências e aprendizados com todos os membros que participaram ativamente ao longo dos encontros do grupo.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!